Área Exclusiva do Cliente

Insira seu usuário e senha para acessar a área exclusiva

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,74 3,74
EURO 4,37 4,37

Previsão do tempo

Domingo - Brasília, DF

26ºC
10ºC
Predomínio de

Segunda-feira - Brasília, ...

24ºC
10ºC
Parcialmente Nublado

Terça-feira - Brasília, D...

25ºC
10ºC
Parcialmente Nublado

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .

TJDFT destina mais de 223 toneladas de materiais à reciclagem em 2017

Em 2017, o TJDFT destinou 223.285,70 kg de materiais à reciclagem, número 33,6% superior ao registrado em 2016. Do total de materiais doados às cooperativas de catadores, mais de 216 toneladas foram referentes a papel, conforme relatório de desempenho de metas do Plano de Logística Sustentável – PLS da Casa. A coleta foi implementada no TJDFT em 2009, por meio do Programa Viver Direito, e está entre os itens monitorados pelo PLS. Por meio do material doado, foram beneficiadas cerca de 10 cooperativas e quase 1000 famílias que vivem da reciclagem no DF. Além de convênio com a Central das Cooperativas para destinação do lixo reciclável seco, o TJDFT possui outras parcerias, sem custos, para descarte adequado de pilhas e baterias, material eletrônico e resíduos hospitalares. Desde 2015, o TJDFT conta com uma Central de Resíduos, cercada e protegida da contaminação pela chuva e por vetores e em local adequado à coleta. Neste ano, uma vez que não será mais responsabilidade do SLU efetuar o gerenciamento dos resíduos não recicláveis e orgânicos produzidos pelos grandes geradores, entre eles o Tribunal, conforme dispõe a Lei Distrital 5.610/2016, o TJDFT contratou empresa, por meio de licitação, para realizar o gerenciamento dos referidos resíduos na Casa, desde a coleta até o transporte do lixo até uma unidade de tratamento. Como forma de conscientizar o corpo funcional do Tribunal sobre as mudanças impostas pela lei Distrital e reforçar a importância da separação correta dos resíduos, o TJDFT lançou, por meio da Assessoria de Comunicação Social – ACS, em parceria com a Coordenadoria de Gestão Socioambiental – Cogesa, a campanha “Separe, não pare”. Dia Internacional da Reciclagem Nesta quinta-feira, 17/5, é celebrado o Dia Internacional da Reciclagem, instituído pela UNESCO. Segundo o IBGE, a população brasileira produz 230 mil toneladas de lixo por dia. E você, o que tem feito para reduzir o lixo que é despejado todos os dias no planeta? Clique aqui e saiba como separar corretamente os resíduos e, assim, contribuir com a renda dos catadores de resíduos do TJDFT e com um mundo mais limpo e inclusivo. O sucesso da coleta seletiva no Tribunal também depende de você! Confira abaixo ou na imagem ao lado quanto tempo alguns resíduos levam para se decompor na natureza: · Papel comum: de 2 a 4 meses · Embalagens de plástico: de 30 a 40 anos . Embalagens de isopor: 150 anos · Latas de alumínio: de 80 a 100 anos · Vidros e cerâmicas: 4.000 anos · Chicletes: 5 a 8 anos O TJDFT escolheu Viver Direito e você? Separe, não pare: o lixo não termina quando você joga fora!
17/05/2018 (00:00)
Visitas no site:  15621
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.